Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

Um Pudido Ispecial...

 

Chelentiçimo sinhor injinheiru Sócras,

 

Foi com muinta teristesa que comesei as minhas iaulas este anu.

A minha perubessora tinha-me dito que nu perimeiro dia de iaulas o sinhor injinheiro Sócras mia ofrecer um camputador magalhais. É cu ano paçado, já não tive direitu peruque não xigarão pás incumendas.

 

Quale foi o meu ispantu conde xegei à sala de iaulas e não vi ninhum magalhais em sima da minha mensa. Porcurei na sala poreque pudia sere supresa mas não incontrei ninhum.

 

Axei esta atitude muito feia sinhor sócras. Iço não se faz. O meu manu teve direitu a um camputador e eu já não. Iço é escriminação, óviu sinhor Sócras?

 

É que eu só fui pá excola pruque me disserão, ou melhor, me pormeterão um camputador. Sim e eu inté pormeti à minha mãesinha quia istudar muito e fazer muintos tarbalhos de casa no camputador. E agora como cumpru as minhas pormeças? É queu não sou cumó sinhor, sinhor Sócras!

O meu manu nunca me deixo mixer no camputador dele. Dizia que tinha muintos enrros e que tavão lá umas gaijas nuas pur causa do calore a arranjar os porblemas do magalhais.

 

O meu pai já estava fartu de pagar interneti que era o cas gajas cumião e vendeu o camputador ao meu vezinho debacho.

O meu vezinho ficou bastante sastefeito com a mánica e cas gajas, só diçe cu egrã é um bucado peqeno e cas tequlas podião ser maiores.

 

Afinal conde é que xegão os outros magalhais? Ficarão pós subrinhos da sinhoira ministra? É queu não quero sere cumáqueles meninos que lhe derão os camputadores a fengir… Adepois vieram uns sinhoires capangas e palmarão os camputadores aos putos. A mim não me façem iço! Se querem levar o camputador, levão-me a mim tameim agarrado com unhas e dentes!

 

Ó sinhor Sócras não quer ser meu tio ou meu padrinho pa eu arreceber o camputador magalhais um bucado mais depreca???

 

Ass.

Um aluno devoto

 

Enrrare ó mano, éh!

 

(Post não aconselhável a pessoas sensíveis aos… às… letras?!)

 

 

Ôje foi dia de alegria num dus meus culégios. Xegô o presente mais dezejadu: o famosu magalhãis!

 

Em cada aula ke dei, lá ia uma prufeçora ler a lista dus alunus que ião receber o tal enjenho ke tantu órgulha o injinheiro Sócras.

 

Já pensei seriamente em mandare vire um magalhãis para mim. Não é pur nada, mas é peqenu, ajul – a minha core favurita – e inté aparece uma mala de mãu. Além de ke diz muito beim com as calsas de gangua. Ôtro pomto a favor é o factu de ser levesinho, é que assim escuzava de levare os livrus pra iscola. Infiava lá uma pen cas aulas todas e mustrava aos putos. O ke axam?

 

Houvi dizer que o magalhãis tava xeio de enrros ortográficus. Estou farta de mixer neles mas ainda nãu descrubi nada. Aixo ke a parte piore é a us jogus inducativos. Parece ke vou ter de jogare mais um bucadinho para ver se descurbo os enrros.

Surjiu por aí a fraze “dirije o guindaste” como tendo enrros- Nãu percebu porqe dizem isu. Atão um guindaste nãu se dirije?! Ke eu saiba nãu teim de se remar…

 

Li algures cus tais jogus inducativus tavom xeios de enrros porqe tinhão sido faitos pur um portuges que vive em fransa e ke só tem a cuarta quelaçe. Axei até muinto beim. É pró Guverno portuges ver ke a mãu dóbra cualificada comu nau tem tarbalho tem de ir pró istranjeiro. E inté é beim feito! As peçoas enmigram para porcurare milhores condisões de vida e adepois o guverno vai lá vescá-las.

E ainda acrexento mais… é ke em Purtugal nau há trabalhadores com cualificasão çufisiente para fazer um trabalho de tal enverga-dura.

Sem dúvida que o mentor destes jogus inducativos fés montes de uorquexópes e atualizasões porfissionais, e pur isso é que o guverno o isculheu a ele.

 

Teinho ou não teinho rasão?!

 

 

P.S. Este post foi escrito em magalhanês. Alguma reclamação é favor enviar para: inginheirosocrasarrobamintrasoedu.pt. Não tenho nada a ver com isto!